socioeco.org
Site ressources de l’économie sociale et solidaire

Os bancos comunitários de desenvolvimento na política pública de finanças solidárias: apresentando a realidade do nordeste e discutindo proposições

Desenvolvimento em Questão Vol 13 n°31

Ariádne Scalfoni Rigo, Genauto Carvalho de França Filho, Leonardo Prates Leal, 2015

À télécharger : PDF (190 Kio)

Résumé :

Este trabalho apresenta e discute a realidade do conjunto dos Bancos Comunitários de Desenvolvimento (BCDs) da região Nordeste do Brasil, no âmbito da política pública de finanças solidárias que se delineia. A metodologia consistiu num levantamento-diagnóstico em 26 BCDs desta região, de julho a setembro de 2012. Os resultados afirmam os BCDs como tecnologias sociais adequadas a uma política pública de finanças solidárias que pretende atingir as pessoas mais pobres. Suas estruturas coletivas de gestão e a metodologia de concessão e cobrança de empréstimos baseadas nas relações de proximidade parecem mais adequadas para a transposição das barreiras formais e institucionais que os bancos tradicionais colocam no tocante a concessão de crédito para a população de baixa renda. No entanto, a realidade que se apresenta diante dos BCDs aponta dificuldades que podem comprometer a plenitude das ações destas organizações nos territórios. A principal dificuldade esta relacionada à formação do fundo de crédito que os força a racionar significativamente as concessões de crédito. Outros desafios identificados foram os relativos à formação do lastro para impulsionar a circulação da moeda social no território e dinamizar as trocas.