socioeco.org
Resource website of social and solidarity economy

Sócio, trabalhador, pessoa: negociações de entendimentos na construção cotidiana da autogestão de uma cooperativa industrial

Dissertação de Mestrado em Psicologia Social). São Paulo: USP

Egeu Esteves Gómez, 2004

Scaricare PDF (760 KiB)

Compendio :

A pesquisa visa compreender como os cooperados da UNIWIDIA – Cooperativa Industrial de Trabalhadores em Ferramentas de Metal Duro – negociam interesses e entendimentos no processo cotidiano de construção da autogestão de sua cooperativa. No trabalho de campo foi realizada observação etnográfica do cotidiano de trabalho na cooperativa, bem como realizadas entrevistas com seis cooperados. Os resultados apresentam: a cooperativa, o histórico da cooperativa, o cotidiano de trabalho, os interesses em disputa e os processos formais e informais de negociação. O estudo identifica que os cooperados formularam ao menos três importantes regras sobre seu funcionamento coletivo: “todos são iguais”; “todos são responsáveis” e “todos estão no mesmo barco”. Tais regras são utilizadas pelos cooperados para manter a simetria de poder na cooperativa, cobrar atitudes uns dos outros e manter a coesão do grupo. A cada regra enunciada corresponde uma característica psicossocial destes cooperados: eles se preocupam com a cooperativa; controlam os demais cooperados e se sentem membros da cooperativa. A pesquisa conclui que os cooperados alternam posições e interesses, ora se posicionam como sócios favoráveis “à cooperativa”, ora como trabalhadores em prol “dos cooperados” e ora como pessoas em busca “de uma vida melhor”. Entretanto, conclui também que os cooperados desejam e trabalham para que estes interesses coincidam.

Fonti :

Biblioteca Digital USP Brasil www.teses.usp.br