socioeco.org
Website de recursos comum da economia social e solidária

Autogestão é um desafio para quem não deixou de ser jovem

Luigi Verardo, Novembro 2013

Download : PDF (7,9 KiB)

Resumo :

A Economia Solidária tem a virtude de poder integrar diversos elementos constitutivos da vida na sociedade humana.Ela tem a potencialidade de agregar o que foi e está sendo pulverizado e fragmentado pela trajetória mais recente da história. A Economia Solidária nasce como expressão de uma inconformidade com o mundo em que vivemos e, ao mesmo tempo, não deixa de apresentar e realizar alternativas econômicas e sociais para o mundo que queremos: mostra que uma outra economia e outra forma de organização e relacionamento social é possível. Atua na área do negócio e combina-a com a área organizacional, de forma que uma não sobreponha a outra.

Isto é, se a atividade econômica (produção, serviço, comercialização, consumo, finanças) constitui o elemento básico, ela não prescinde, mas requer afluência de nova cultura, visão ambiental e relacionamento solidário e adequados ao trabalho humano. Isto porque não se trata de uma atividade econômica convencional, mas de economia baseada na solidariedade e organizada de forma autogestionária.

Fontes :

Forum Brasileiro de Economia Solidaria www.fbes.org.br/