socioeco.org
Website de recursos comum da economia social e solidária

Outra visão da economia

Dossiês :

Os princípios da Grande Transição

Frente aos efeitos devastadores da globalização, predadora em termos sociais, humanos e ecológicos, uma nova economia se impõe: ela propõe novas relações sociais e uma vinculação privilegiada com o planeta. Certos autores afirmam que há uma necessária transição de um modelo único no mundo, baseado no crescimento econômico e fundado no endividamento cada vez maior e na depredação dos recursos naturais para uma federação descentralizada de economias sociais e ecológicas.

Democratizar a economia

As finalidades econômicas e sociais da economia social e solidária (criação de novos mercados, resposta às novas necessidades sociais, geração de emprego, inclusão social, reforço do capital social) fazem talvez esquecer seu projeto político de democratização da economia. Entretanto, certos autores, como Jean-Louis Laville (1999), definem a ESS como “conjunto de atividades que contribui para a democratização da economia a partir do compromisso dos cidadãos”.

O que é a inovação social?

A inovação social consiste em uma ruptura na maneira de fazer as coisas, um elemento inovador em um contexto dado. Ela representa uma descontinuidade com relação às soluções habitualmente oferecidas e fornece uma resposta criativa a problemas de tipo econômico e social, não satisfeitos nem pelo mercado nem pelo Estado. Portanto, ela contribui para o bem-estar das pessoas e das comunidades.