socioeco.org
Website de recursos comum da economia social e solidária

Razões para os protestos do Sul. Max Havelaar ou as ambiguidades do comércio justo

Le Monde Diplomatique - Edição Portuguesa.

Christian Jacquiau, Outubro 2007

Download : PDF (150 KiB)

Resumo :

A marca Max Havelaar, líder mundial do comércio justo, procura responder a uma

procura de consumo «diferente», assente na solidariedade entre consumidores do Norte e pequenos produtores do Sul. A empresa parece contudo estar a operar uma viragem «pragmática», ligando-se a grandes grupos muito distantes das suas preocupações originais. Não é certo que os produtores e os cidadãos se revejam nessa viragem.

Fontes :

Site web de Faces do Brasil www.facesdobrasil.org.br