socioeco.org
Website de recursos comum da economia social e solidária

Das novas possibilidades do trabalho coletivo

Economia, 2004, vol. 5, issue 1, pages 123-159

Gláucia Campregher, 2004

Download : PDF (130 KiB)

Resumo :

Defendemos neste artigo que a possibilidade de superação do trabalho assalariado, signo da alienação, só pode se dar pelos potenciais de emancipação do próprio trabalho; potenciais estes que são reforçados por alguns elementos (tanto técnicos como sociais) da dinâmica capitalista mais recente da acumulação flexível. Neste sentido, o trabalho é ainda uma “categoria chave” para pensar o capitalismo e sua superação, dado que cada vez mais é a “combinação da atividade social que aparece como produtora”(Marx). Essa “combinação” se dá hoje mais no território que na fábrica, é organizada mais transversalmente que verticalmente e pode, com o devido apoio, gerar redes de cooperação onde o trabalho, em sua dimensão produtiva, seja, no mínimo, melhor recompensado; e em sua dimensão formativa, no mínimo, menos alienado. Fechamos o artigo com uma análise dos potenciais de articulação do trabalho da assim chamada “economia solidária”.