socioeco.org
Website de recursos comum da economia social e solidária

Autogestão em Empreendimentos Econômicos Solidários: Um Estudo Comparativo de Casos em Cooperativas de Reciclagem de Lixo de Maringá- PR

Setembro 2007

Download : PDF (260 KiB)

Resumo :

O objetivo deste estudo foi investigar como se justificam, historicamente, as principais diferenças em características autogestionárias de dois Empreendimentos Econômicos Solidários de coleta seletiva do lixo, na cidade de Maringá–PR. Metodologicamente, a pesquisa se caracteriza como estudo comparativo de casos, com levantamento de dados em duas fases: a primeira por meio de questionário estruturado aplicado a participantes das cooperativas estudadas (14 na primeira cooperativa e 6 na segunda, num total de 19 participantes e 6, respectivamente). O questionário utilizou modelo de indicadores de autogestão proposto pela Associação dos Trabalhadores e Empresas de Autogestão – ANTEAG (2005). A segunda fase consistiu de entrevistas baseadas na técnica de história oral, com integrantes das cooperativas. As principais diferenças identificadas nas características autogestionárias foram: participação dos cooperados, transparência, atividades sociais e constituição do quadro social. Essas diferenças puderam ser explicadas por dois fatores principais: características de liderança e educação escolar dos cooperados. Concluímos que aspectos da história individual podem ser importantes elementos explicativos do modelo de autogestão em organizações, principalmente organizações de economia solidária.