socioeco.org
Website de recursos comum da economia social e solidária

SOCIALIZAR O MERCADO OU DESMERCANTILIZAR A SOCIEDADE: OS CAMINHOS DOS EMPREENDIMENTOS SOLIDÁRIOS NA BUSCA PELO RECONHECIMENTO DE SEU TRABALHO

Memoria ITCP-USP, Brasil

Felipe Vella Páteo, 2007

Download : PDF (240 KiB)

Resumo :

O trabalho busca esclarecer quais são as principais estratégias defendidas pelos teóricos da economia solidária para a inserção dos empreendimentos no mercado e as suas consequências. Para tanto é realizada uma demarcação conceitual buscando situar as diferenças de concepção teórica e suas implicações, apresentada sob a forma de dois grandes pólos: aqueles que defendem a imbricação do mercado em valores sociais e aqueles que

defendem a necessidade de concorrência no mercado da forma como ele se apresenta atualmente, um terceiro pólo, menos significativo na economia solidária é composta pelos que são contra a existência de qualquer tipo

de mercado. Como conclusão são expostas as limitações e potenciais encontrados em cada uma das principais estratégias utilizadas, a partir da experiência obtida pelo autor em seu trabalho na ITCP-USP e da análise

de relatórios da instituição, sem a pretensão do estabelecimento de afirmações definitivas, mas sim de um desenlace de perspectivas.

Fontes :