socioeco.org
Website de recursos comum da economia social e solidária

Do lixo à Cidadania – Guia de Formação de Cooperativas de Catadores de Materiais Recicláveis

Site de la editorial

(Org.) Júlio Ruffin Pinhel, Editora Periópolis, Brasil, Setembro 2013

O livro “Do lixo à Cidadania – Guia de Formação de Cooperativas de Catadores de Materiais Recicláveis”, lançado em 10 de setembro pelo Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis (MNCR) e Instituto de Pesquisa Socioambiental (Ipesa), em parceria com a editora Periópolis, será destinado gratuitamente aos mais de 5.500 mil municípios brasileiros com o objetivo de estimular governantes, organizações e a população a desenvolverem sistemas de coleta seletiva, com inclusão e contratação de organizações de catadores.

Além da versão impressa, os interessados poderão acessar a publicação e diversos outros conteúdos no hotsite da publicação.

A obra, que mostra alternativas sobre como lidar com o lixo de maneira organizada e sustentável, também poderá ser útil para ONGs, associações, incubadoras, universidades, pesquisadores, empreendedores sociais, empresários e entidades apoiadoras, além das próprias organizações de catadores. A publicação aborda as experiências e os bons resultados obtidos na gestão e formação de cooperativas de catadores, a fim de implementar projetos e soluções no controle dos resíduos.

“Com o livro, esperamos estimular municípios a desenvolver sistemas de coleta seletiva com inclusão e contratação de organizações de catadores, e contribuir para a profissionalização desses agentes, como instrumento de apoio ao desenvolvimento de uma política de sucesso na gestão de resíduos sólidos”, afirma Julio Ruffin Pinhel, coordenador do Programa Resíduos Sólidos do Ipesa.

“A partir desse livro, muito gestores públicos serão sensibilizados, surge para gente um instrumento de política pública. Que esse livro não fique lá guardado e empoeirado, mas que serva como uma ferramenta de estudo uma ferramenta de trabalho”, afirma Roberto Laureano, representante do MNCR.