socioeco.org
Website de recursos comum da economia social e solidária

Subjetividade e solidariedade: a diversidade das formas de implicação dos jovens na economia solidária

Psicol. Reflex. Crit. vol.19 no.2 Porto Alegre 2006

Enrique Caetano Nardi, Denise Balem Yates, 2006

Ler artigo completo na página de : dx.doi.org

Resumo :

O estudo enfoca a forma de inserção profissional e implicação no trabalho dos jovens no campo da economia solidária e do associativismo. O objetivo principal é discutir as relações entre os processos de subjetivação e a construção do ideal profissional de trabalhadores de até 30 anos. A análise das entrevistas, metodologicamente baseada na abordagem biográfica, aponta para uma diversidade das formas de compreender a relação com o trabalho e com os colegas no que se refere aos princípios da economia solidária e do associativismo. A ausência de suportes sociais (o apoio do Estado ou da sociedade civil) e a sustentabilidade financeira dos projetos influenciam nas formas dos trabalhadores aderirem (ou não) ao modelo de gestão solidário. A análise das entrevistas e o acompanhamento dos projetos indicam que os princípios da autogestão são parcialmente efetivados, existindo uma tendência a reproduzir relações hierárquicas e paternalistas.

Fontes :

Repositorio cientifico de acesso abierto de Portugal

scielo.br