socioeco.org
Website de recursos comum da economia social e solidária

Revista Economia Solidária 2. A crise actual e as respostas da economia solidaria

aceesa - Associação Centro de Estudos de Economia Solidária do Atlântico, Portugal

Sob a direcção de Rogerio Roque Amaro, Dezembro 2010

Download : PDF (770 KiB)

Resumo :

É objectivo (editorial) desta Revista tentar (também) contribuir para a análise e explicação destes processos de crise, mais recentes ou mais longínquos, bem como para a elucidação do papel da Economia Solidária neles ou face a eles.

Foi com esse objectivo que foi designado o Prof. Jordi Estivill, membro da Comissão Científica e do Conselho Editorial da Revista de Economia Solidária, para coordenar este número, centrado na problemática da crise, embora admitindo outras análises.

É, neste quadro, que se juntam, neste número, contribuições de quatro autores, provenientes de três zonas geográficas (América do Sul, América do Norte e Europa), ilustrando a preocupação de se dar expressão a uma lógica de abordagens diversificadas científica e culturalmente.

No artigo de José Luís Coraggio, procura-se reflectir o papel da Economia Social e Solidária nos processos de integração da América Latina, no quadro dos caminhos que as economias alternativas têm aberto nesse subcontinente.

A contribuição de Jordi Garcia, por seu turno, analisa os desafios e as respostas da Economia Solidária face à crise actual, tendo em conta a sua evolução histórica e as propostas e esperanças que tem aberto.

No texto de Fred Magdof, liga-se a crise actual a outra crise, de uma amplitude temporal e geográfica desde início maior, que é a dos alimentos, à escala mundial, tratando-se de uma questão que põe em risco direitos fundamentais de dignidade e sobrevivência humana.

Por último, José Manuel Henriques, propõe uma reflexão sobre o conceito de «Integração Económica», no contexto da crise actual e do papel da Economia Social e Solidária, tendo como referência a Acção contra a Pobreza, como um dos objectivos prioritários das sociedades contemporâneas, tendo particularmente em conta as experiências e os ensinamentos que os projectos da Iniciativa Comunitária EQUAL possibilitaram.

Como foi, desde início, intenção (editorial) desta Revista, publica-se ainda, sobre a forma de artigo, um dos trabalhos de mestrado, seleccionados para este efeito, valorizando, deste modo, o esforço de investigação que, nesse quadro, é desenvolvido por mestrandos(as) ou doutorandos(as), de várias instituições académicas, onde se promovam e enquadrem trabalhos científicos nos domínios cobertos por esta Revista. Neste caso, trata-se de um trabalho realizado pelo mestrando (Mário Montez) de Desenvolvimento, Diversidades Locais e Desafios Mundiais (ISCTE-IUL), sobre os mercados solidários, sendo a responsabilidade da sua selecção do responsável deste número (Jordi Estivill) e do director da Revista (e que assina esta nota editorial).

Indice

  • La economia social y solidaria como estrategia de desarrollo en el contexto de la integración Latinoamericana de José luis Coraggio

  • La economia solidaria: sustento y esperanza de Jordi Garcia Jané

  • la crisis alimentaria mundial de Fred Madorf

  • Crise, Economia Social e Solidária e <Integração Económica> na Acção Contra a Pobreza de José Manuel Henriques

Contribuição

  • Trocas por cá — Mercados Solidários pela voz de um prossumidor de Mario Montez

Nota de leitura Jordi Estivill

«Maneiras cooperativas de pensar e de agir. Contributo para uma historia do cooperativismo em Portugal » de Hipólito Santos

Fontes :

aceesa - Associação Centro de Estudos de Economia Solidária do Atlântico, Portugal aceesa-atlantico.org/