socioeco.org
Website de recursos comum da economia social e solidária

Revista Economia Solidária 4. Finanças alternativas, Moeda e Economia Solidária

aceesa - Associação Centro de Estudos de Economia Solidária do Atlântico, Portugal

Sob a direcção de Rogerio Roque Amaro, Dezembro 2011

Download : PDF (4,4 MiB)

Resumo :

A financeirização (não escrutinada nem democrática) das nossas sociedades é apenas uma das razões que levaram, nos últimos anos, a um aumento da procura de sistemas de financiamento alternativos para as actividades e os actores económicos e sociais.

A razão talvez mais essencial liga-se, de facto, à própria lógica (histórica e recente) que está na origem da Economia Social e Solidária, razão de ser desta Revista.

O facto de os sistemas financeiros dominantes se guiarem pela lógica do lucro e pelos critérios da economia de mercado, contribuindo, desse modo, para a marginalização e para a exclusão de pessoas e de actividades… «não bancáveis», pelos referidos critérios, levou, desde há muito tempo (há registos desde o século XVIII, mas, em muitas culturas e continentes, existem grupos e dinâmicas informais de entreajuda e de mutualização das poupanças e dos créditos, que se perdem nas memórias dos tempos), à emergência de fórmulas alternativas de financiamento de pessoas e actividades, assumindo muitas vezes formas jurídicas cooperativas ou mutualistas.

Artigos:

  • O Desenvolvimento da Microfinança na Europa, da autoria de Philippe Guichandut, director de Desenvolvimento e de Assitência Técnica na Fundação Grameen de Microfinança e Crédito Agrícola;

  • Finança Ética e Sustentável, da responsabilidade de Viviane Vandemeulebroucke, até recentemente Secretária-Geral da INAISE – International Association of Investors in The Social Economy, a mais antiga rede internacional (criada em 1989) de organização de Finança Social;

  • Os Bancos Não-Lucrativos em Portugal (Caixa de Crédito Agrícola e Caixa Económica Montepio Geral) e as suas especificidades em comparação com os bancos comerciais, assumido por Ricardo Barradas (da Escola Superior de Comunicação, do Instituto Politécnico de Lisboa e Técnico do Montepio Geral) e Sérgio Lagoa e Emanuel Leão (ambos do Departamento de Economia Política do ISCTE-IUL.

  • A Sustentabilidade nas Instituições Particulares de Solidari-edade Social (IPSS) em Portugal, da autoria de José Cor-reia, mestre em economia Monetária e Financeira (ISEG), doutorando em economia (ramo de Economia Social e Solidária) no ISCTE-IUL e Técnico Superior no Instituto de Gestão Financeira da Segurança no Instituto de Gestão Financeira da Segurança Social, sendo este artigo uma componente da sua tese de doutoramento, já entregue e à espera da marcação da discussão pública, sobre o tema central do mesmo;

Para além deste quatro artigos, que constituem o corpo central deste número, publicam-se também, como vem sendo há-bito na Revista, alguns trabalhos (três sobre este tema) de mestrandos (as) do Mestrado em Economia Social e Solidá-ria, selecionados, neste caso, pelo coordenador do número, a partir da disciplina em que é docente, ou seja, Sistemas de Financiamento da Economia Solidária:

  • Sobre o projecto «Terra do Mel», da serra do Algarve, apoiado pelo Instituto de Desenvolvimento Social, para dinamizar os produtores locais, numa lógica de Desenvolvimento Local, da autoria da mestranda Ana Sara Morais;

  • Sobre o financiamento do Lar Adventista para Pessoas Idosas – Norte (LapiNorte), uma IPSS (e, portanto, entidade de Economia Social) com uma lógica de financiamento essencialmente autónoma, da responsabilidade do mestrando João Faustino;

  • Sobre uma análisis de formas alternativas de fontes de financiamento para a Fundação Portuguesa para o Estudo, Prevenção e Tratamento da Toxicodependência (FPEPTT), da autoria de Inês Nunes Silva.

Indice

  • Nota Introdutória de Emanuel Leão

  • The development of microfinance in Europe: reality and challenges de Philippe Guichandut

  • On sustainable finance and networking…de Viviane Vandemeulebroucke

  • The Non-for-profit Banks in Portugal: specificities, social role and evolution Ricardo Barradas , Sérgio Lagoa, Emanuel Leão

  • Factor Sustentabilidade nas Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) de José Alfredo Henriques Correia

  • A produção de mel, um contributo para o desenvolvimento local das zonas serranas do Algarve - «Terra do Mel» de Ana Sara Morais

Contribuições

  • O Financiamento das Instituições: Estudo de Caso do LapiNorte de João Faustino

  • F P E P T T Fundação Portuguesa para o Estudo, Prevenção e Tratamento da Toxicodependência» Proposal of alternative funding sources de Inês Nunes Silva

Fontes :

aceesa - Associação Centro de Estudos de Economia Solidária do Atlântico, Portugal aceesa-atlantico.org/