socioeco.org
Website de recursos comum da economia social e solidária

Consumo responsável

Eixo temático Acerca de outras formas de empreender, produzir e consumir

O consumo responsável, o consumo consciente, o consumo ético constituem um conjunto de respostas alternativas às consequências sociais e ecológicas da sociedade de sobre-consumo, imposto desde o periodo do pós-guerra. O comércio justo, os circuitos curtos e os circuitos económicos solidários, a agricultura orgânica ou apoiada pela comunidade, as AMAP (Associations pour le maintien d’une agriculture paysanne) em França, os GAS (Gruppi di Acquisti Solidale) em Itália, as cooperativas de consumidores representam sistemas alternativos de produção, distribuição e/ou consumo, que acarretam um enfoque económico alternativo de coolaboração entre produtores e consumidores. Apontam para uma divisão entre os atores dos riscos e benefícios da produção saudável, ética, colaborativa e respeituosa do património natural e cultural. Têm em conta as condições sociais de produção e as suas modalidades. Algumas iniciativas como os Seikatsu clubs no Japão, vão muito além da compra coletiva da alimentação. Têm vindo a surgir cooperativas como resultado deste trabalho, por exemplo para a produção de comida para pessoas séniores, sendo também frequente membros dos Seikatsu clubs candidatarem-se às eleições locais e/ou envolverem-se em eventos sobre os desafios globais relacionados à alimentação. Os GAS em Itália, constituem desde há alguns anos a espinha dorsal do movimento da economia solidária.

Baseada em principios de desenvolvimento sustentável, segurança ou soberania alimentar, fortalecimento dos laços sociais, cooperação, mas também sobre o retorno a uma alimentação local, saudável e equilibrada, as experiências de consumo alternativo, de auto-produção, de partilha, de reciclagem, de simplicidade voluntária, constituem o núcleo de uma construção sócio-política sobre a satisfação das necessidades, a felicidade, a prosperidade, a redistribuição, a partilha de recursos à escala global, a proteção do meio ambiente e a justiça social. Transformando os consumidores em consum’atores, o consumo responsável lança as suas raízes no quotidiano para alimentar uma reflexão democrática sobre o sentido das atividades económicas.

4 Videos | Uma Ferramienta pedagogica | 3 estudos de caso | 2 Documentos de análises/working paper/articulos

4 Videos

Uma Ferramienta pedagogica

3 estudos de caso

2 Documentos de análises/working paper/articulos